Setor de recursos humanos, qual sua importância na crise?

Seja uma crise interna ou resultante do cenário atual em que vivemos, os Recursos Humanos tem um papel estratégico dentro das empresas. Um papel que leva em conta o sucesso de uma companhia dependo da capacidade de colocar o profissional mais adequado no cargo certo.

Um diretor de RH precisa ter a capacidade de avaliar o real momento da organização. A partir disso, entender a função de como cada membro da equipe, e como estão funcionando e contribuindo nesse contexto.

Embora precise ter uma visão mais humana, o RH precisa analisar os indicadores de desempenho de forma objetiva. Assim, ele poderá alocar os colaboradores nas posições em que eles geram os resultados desejados. Ou identificar os gargalos ou atritos desnecessários, que impactam negativamente nos resultados.

Detectar esses problemas e agir no momento certo é crucial para superar crises e garantir até mesmo a sobrevivência da companhia. Por isso, o RH precisa estar preparado para recomendar ações que desbloqueiam ou agregam valor.

2 ações para os Recursos Humanos em momentos de crise

02

Comunicação Afetiva

A comunicação é o ponto crítico de qualquer processo de gestão de crise e, nesse aspecto, o RH tem um papel imprescindível. Nesse momento o RH é indispensável, pois fortifica a relação entre empresa e colaboradores, conhece as pessoas que atuam na organização, tem acesso às diferentes estruturas da companhia e a capacidade de fazer a informação andar por todos os setores da empresa.

O RH é o departamento que vai, por meio da comunicação interna, manter a direção e a visão da companhia de forma clara. Ele vai apontar quais são as dificuldades que a empresa está enfrentando, mas também as medidas tomadas para superar esse momento.

Melhoria Continua

Superar uma crise exige que as pessoas saiam da zona de conforto. Afinal, se o procedimento padrão não é suficiente para atingir os resultados necessários, as pessoas precisam quebrar paradigmas e investir em alternativas que não haviam sido pensadas ou praticadas antes.

O RH deve fomentar nos profissionais o desejo e a oportunidade para melhorar por meio de programas de desenvolvimento. Aliás, a crise é justamente o momento em que podem surgir grandes revelações de talentos, que devem ser estimulados e aproveitados. 

Embora seja difícil garantir grandes aumentos em espécie em um cenário econômico desfavorável, as empresas podem utilizar outros recursos para motivar seus colaboradores e fomentar o aumento da produtividade e o aperfeiçoamento contínuo. 

Como sua empresa está enfrentando a crise atual? Acompanhe mais conteúdos em nosso Linkedin.

Dúvidas? Entre em contato com a Skeel.

Entre em Contato com a Skeel

Abrir WhatsApp
Precisando de ajuda?