Etapas do processo seletivo: quais as principais?

Nesse artigo você irá acompanhar as principais etapas do processo seletivo. Sabemos que hoje o setor de recursos humanos é o responsável por atrair e contratar candidatos alinhados com o perfil da empresa e que atendam às necessidades de cada vaga. Um recrutamento e seleção estruturado e bem planejado pode garantir uma boa contratação e minimizar os custos de turnover.

Afinal, quais as principais etapas do processo seletivo?

É importante entender que você precisa se dedicar ao processo seletivo pois ele consiste em um conjunto de técnicas que auxiliam na escolha dos candidatos mais adequados para uma determinada vaga de emprego. Através dele é possível identificar hard skills e soft skills e verificar quais perfis possuem o maior “fit” com a vaga e a cultura da empresa. 

Definir o perfil

Tudo começa com o planejamento e definição do perfil do profissional que a empresa procura. Normalmente, o perfil é definido pelo recrutador e os gestores que trabalharão diretamente com o profissional que vai ser contratado. O perfil deve conter atividades, responsabilidades, conhecimentos e experiências necessários para o bom desempenho do cargo. Também deve especificar o pacote de remuneração e benefícios.

Atrair candidatos

Esta etapa funciona como uma publicidade da vaga. Aqui o ideal é utilizar diversas fontes como:

  • redes sociais da empresa
  • rede de relacionamentos dos funcionários
  • site da empresa
  • faculdades e instituições de classe
  • grupos de WhatsApp

É interessante para o recrutador focar sua divulgação em “lugares” onde é maior a probabilidade de encontrar os profissionais com as características do perfil. Se está procurando um designer, deve compartilhar em grupos relacionados, por exemplo.

Triagem e Seleção

O objetivo do recrutador nesta etapa é selecionar os perfis profissionais que cumpram a maioria dos requisitos necessários ao cargo. Dessa forma, ele pode se dedicar apenas a esses profissionais que têm maior probabilidade de atender às demandas da função.

Essa pode ser a tarefa mais árdua para o recrutador. Por isso, centralizar as candidaturas em um único lugar facilita essa filtragem. Outra forma de otimizar essa etapa do processo é utilizar plataformas de recrutamento como a Skeel, que realizam esse filtro de forma automática, de acordo com as configurações que o recrutador solicita ao sistema, levando em conta, inclusive a pretensão salarial dos candidatos.

Dentro da plataforma também é possível criar testes de conhecimento e eliminatórios para continuação no processo seletivo. Dessa forma o recrutador recebe em primeira mão os candidatos mais alinhados com a vaga e a cultura empresarial.

Vídeos & entrevistas

Nessa etapa o recrutador pode escolher entre um vídeo de apresentação dos candidatos, ou a realização de uma entrevista individual. Um bom recrutador faz de tudo para deixar o entrevistado à vontade. A ideia é conhecer o candidato com perguntas previamente preparadas para compreender o que o profissional tem e faz de melhor, e de que maneira ele trabalha. As vezes são necessários mais de um encontro, ou um vídeo seguido de um encontro. O importante é coletar e observar todos os pontos importantes.

Contratação

Com todos os pontos analisados e com o auxílio dos filtros da plataforma, o último passo é identificar o candidato ideal e contrata-lo. Sabemos que o papel do RH vai muito além de escolher a pessoa certa, mas diz respeito a todo processo pós contratação: cadastrar no sistema, treinar, integrar o colaborador, acompanhar seu desempenho e adaptação, verificar seu bem-estar, motivação, engajamento e tantas outras atribuições necessárias para que a empresa funcione de forma efetiva.

Por isso, se você quer saber a continuidade desse processo, leia mais sobre onboarding aqui.

Entre em Contato com a Skeel

Abrir WhatsApp
Precisando de ajuda?